sábado, 17 de fevereiro de 2018

Entender as diferenças cerebrais entre homens e mulheres podem melhorar o relacionamento do casal

author photo
Imagem ilustrativa
Quando me interessei por este assunto não tinha a menor ideia de que a compreensão das supostas diferenças entre os cérebros de homens e mulheres poderiam ajudar casais a se entenderem e se respeitarem mais, e claro, terem uma vida conjugal mais harmoniosa.

Homens e mulheres são diferentes fisicamente e biologicamente. A estrutura genética feminina dispõem de 2 cromossomos sexuais X, enquanto que o homem possui um cromossomo X e um cromossomo Y. Homens possuem mais massa muscular, mais massa óssea e são maiores que elas, em média, enquanto as mulheres possuem tecido adiposo mais espesso que eles. Apresento estas diferenças sem mencionar o formato do corpo. Vários pontos no corpo de homens e mulheres são diferentes principalmente no crânio e no quadril. O quadril da mulher é largo (propriedade que a natureza lhe proporcionou para abrigar o bebê confortavelmente) enquanto que o quadril do homem é reto. Esta diferença dá a mulher o famoso corpo de violão e que já foi tema de inúmeras canções sobre as curvas do corpo feminino.

Bom, mas e quanto ao cérebro? Existem diferenças? Se existem, estas diferenças dizem algo sobre o comportamento deles e delas? A resposta para esta pergunta é sim. Existem diferenças entre os cérebros! Mas vale ressaltar aqui que estas diferenças são muito pequenas e pontuais. A primeira diferença entre os cérebros está relacionada ao tamanho. O cérebro dos homens é maior que o cérebro das mulheres. Vale lembrar que esta comparação deve ser feita considerando homens e mulheres da mesma faixa etária. Sabemos hoje que esta diferença não tem nenhuma relação com comportamento ou habilidades, mas já foi critério para medir inteligência no passado. Como o tamanho do cérebro é proporcional ao tamanho do corpo, podemos facilmente encontrar mulheres com cérebros maiores que o cérebro deles.

Considerando partes do cérebro, posso afirmar que pelo menos duas áreas importantes, uma relacionada à memória (hipocampo) e outra relacionada à conexão entre os lados do cérebro (corpo caloso) são mais desenvolvido nas mulheres. O hipocampo é a região onde se guardam as memórias principalmente aquelas relacionadas com tempo (datas). Isso nos dá uma pista do motivo pelo qual as mulheres se lembrarem do dia em que conheceram o seu esposo ou namorado e eles nunca se lembram. A memória das mulheres é melhor que a memória deles. O corpo caloso das mulheres tem cerca de 250.000.000 de neurônios a mais que os homens, e isso une melhor os lados do cérebro e dá às mulheres maior habilidade em fazer as múltiplas tarefas. Por isso as mulheres conseguem fazer várias coisas ao mesmo tempo, enquanto que os homens não conseguem sequer fazer amor e falar ao mesmo tempo. Já que mencionei a fala, adivinha só, as áreas cerebrais para fala nas mulheres também são mais desenvolvidas que nos homens, por isso mulheres têm uma necessidade maior em conversar, e que os homens, às vezes, não entendem. E nos homens têm alguma parte que é mais desenvolvida que nas mulheres? Tem sim! Algumas têm relação com sexo, mas este ponto abordaremos em outra ocasião. Pra finalizar nosso bate papo, meu conselho para as mulheres é; não cobrem deles para se lembrar das datas. Para aos homens também deixo um conselho; nunca façam algo para desapontá-las, pois elas não se esquecem de nada.

Colaboração: Dr. Igor Duarte – Neurocientista | Doutor TV em Revista!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Proxima Proxima
Anterior Anterior