quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Estética - procedimento injetável é considerado a melhor técnica para a secagem de vasinhos

author photo
Imagem ilustrativa
A dilatação de pequenas veias, conhecidas como vasinhos é um problema comum nas mulheres, afetando também os homens, eles surgem por diferentes motivos como o fator hereditário, alterações hormonais e hábitos de vida errados.
O principal incomodo é estético, embora as causas não devem serem ignoradas e tratamentos e prevenção devem andarem juntos.

A biomédica esteta, Dra. Glaziane Cordeiro da BioSlim – Centro de Emagrecimento e Estética em São Paulo, explicou sobre o método PEIM (Procedimento Estético Injetável em Microvasos) para secagem dos vasinhos e recuperação da aparência saudável.



O procedimento

O procedimento (PEIM), utiliza glicose a 75% associada com lidocaína que é um anestésico, isso reduz o incômodo no momento da aplicação. Essa técnica é considerada a melhor para a secagem de vasinhos, não causa alergia e não tem reação, já que é uma substância presente no nosso organismo.



Indicação

O tratamento é indicado para homens e mulheres que sofrem com o problema. A técnica pode ser realizada em pacientes acima de 18 anos, desde que ao ser avaliada por um especialista, ou outro profissional qualificado para realização do procedimento.



Contra-indicação

As contra-indicações são apenas para gestantes e lactantes, ou pessoas que estão sofrendo de alguma infecção ou algum processo inflamatório instalado. Antes de procedimento é realizada uma consulta para a correta indicação do método.



Cuidados pós procedimento

Os cuidados incluem não tomar sol na região que foi feita a aplicada e não fazer grandes esforços físicos, pelo menos 24 horas após o procedimento. Recomenda-se também utilizar meia de compressão, para melhorar a circulação na região.



Sessões e resultados

O clareamento dos vasinhos começa num período de 20 dias após a primeira sessão, sendo necessário aplicações posteriores, pois os mesmos não desparecem com uma única aplicação. O tempo de desparecimento total varia de acordo com o quadro individual do paciente.



Dica da doutora


Glaziane finaliza: O mais importante é procurar um bom profissional na sua região, levar em conta a regularidade do mesmo dentro do conselho que o rege a profissão, pesquisar se este está apto a realizar a técnica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Proxima Postagen
Anterior Anterior